Analisando as leituras do primeiro semestre | TAG dos 50%

Estamos no fim do sexto mês do ano, então é oficial: metade de 2020 já se foi! E que ano, amigos, que ano! Acho que ninguém imaginou o atual cenário e, por mais que, talvez, alguns de nós já tenham conseguido se adaptar à essa nova realidade, acho que, de forma geral, ainda estamos todos meio confusos, perdidos e sem saber muito bem o que esperar do futuro. Felizmente, podemos sempre contar com a companhia de boas leituras e boas histórias, que nos proporcionam algum tipo de conforto e escapismo durante esse momento tão difícil e caótico. De minha parte, digo que os livros têm sido de grande ajuda para encontrar algum consolo e manter alguma sanidade e, mesmo que minhas leituras tenham fugido bastante do que planejei no início do ano, estou feliz com o que consegui ler e hoje resolvi responder a tag dos 50% para registrar os destaques do primeiro semestre de 2020. 😉



01) O melhor livro que você leu até agora
O ódio que você semeia, de Angie Thomas, e a série  Locke & Key, de Joe Hill e Gabriel Rodriguez.

02) Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito?
A coletânea de contos Terror à Bordo, editada por Stephen King e Bev Vincent; publicada pela Suma. Outro livro que despertou meu interesse foi A Criatura, de Andrew Pyper, publicado pela Darkside.

03) Qual foi o livro que mais te decepcionou esse ano?
Mulherzinhas, de Louisa May Alcott. Foi mal, gente. Acho que os anos de expectativa atrapalharam um pouco a experiência. Também acho que poderia ter gostado mais se tivesse lido quando era mais nova.


04) Qual foi o livro que mais te surpreendeu esse ano?
Jantar Secreto, de Raphael Montes. Eu não sabia muito bem o que esperar e acabei gostando bastante da leitura. Fiquei bem assustada também.

05) Algum novo autor favorito que lançou seu primeiro livro no primeiro semestre, ou que você conheceu recentemente?
Raphael Montes e Angie Thomas.

06) Qual é o seu personagem favorito mais recente?
A Kinsey, de Locke & Key, e o Jem, da trilogia As Peças Infernais.

07) Algum livro te fez chorar nesse primeiro semestre?
Não, mas quase chorei durante a leitura de vários trechos de O ódio que você semeia.

08) Qual livro te deixou feliz nesse primeiro semestre?
Toda a série Locke & Key, a releitura de Harry Potter e o mangá Tom Sawyer, de Shin Takahashi (inspirado no clássico de Mark Twain).

09) Qual é a sua resenha favorita desse primeiro semestre?
Fiz poucas resenhas, mas gostei das que fiz para Dentes de Dragão, de Michael Crichton, e  O Pacto, de Joe Hill.

10) Qual é o livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano?
A Pequena Sereia e o Reino das Ilusões, de Louise O'Neill. É um lançamento do ano passado da Darkside e é um dos livros mais bonitos que tenho na estante. A edição está realmente bem bonita.

11) Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?
Qualquer livro do Stephen King que me aguarda na estante ou no Kindle, pois até agora não li nenhum livro do autor. Da lista dos 12 livros para ler em 2020, Pequenos incêndios por toda parte e Carry On ainda despertam o meu interesse, então ficaria bem feliz se conseguir ler os dois até o fim do ano. Também quero ler ou reler pelo menos mais um livro clássico e, claro, concluir a releitura de Harry Potter (só faltam dois livros agora).

Nenhum comentário